Os benefícios de dormir acompanhado – mito ou verdade?

Fevereiro 10, 2021

Dormir juntos é a preferência da maioria dos casais nos dias que correm. Ouvimos falar em muitos benefícios que dormir acompanhado pode trazer. Mas serão estes benefícios que rondam a internet assim tão verídicos? Ou serão mais alguns dos muitos mitos com que somos bombardeados no dia-a-dia?

Dormir na mesma cama que a sua cara-metade é um hábito algo recente, que se desenvolveu mais por necessidade do que por romantismo. Com a chegada da Revolução Industrial, no século XVIII, os centros urbanos começaram a ficar sobrelotados e os espaços para viver mais pequenos. Isto fez com que os casais começassem a dormir no mesmo quarto, e, consequentemente, na mesma cama.

Deixamos então 6 pontos que podem ajudar a definir se os benefícios de dormir acompanhado são verdade ou mito:

1. Diminui os níveis de stress – verdade

Dormir acompanhado dá uma sensação de segurança e confiança, algo que faz diminuir os níveis de cortisol – hormona relacionada com o stress. Ao sentir segurança e confiança, o seu corpo não sente necessidade de produzir tanto cortisol, que é produzido em situações de risco.

Para além disso, a proximidade física com alguém de quem gostamos aumenta a produção de serotonina, a hormona que ajuda a controlar o mau humor e a depressão.

Fonte: (https://www.noticiasaominuto.com/mundo/306839/estudo-revela-que-dormir-agarrado-a-quem-ama-faz-bem-a-saude)

2. Ajuda a combater insónias – depende

Quando um casal dorme junto todas as noites, tende a ajustar as rotinas individuais às de casal. Assim, ao criar uma rotina de sono conjunta, pode haver maior facilidade ao adormecer.

No entanto, a rotina de sono de uma das pessoas pode ser perturbada pelos hábitos do seu companheiro. Isto é, se uma das pessoas tem o hábito de se deitar às 21:00 e ler um livro durante 15 minutos até adormecer, mas o(a) companheiro prefere deitar-se às 21:00 e ficar a assistir a um filme até às 22:30, a rotina de sono da pessoa 1 irá ser atrapalhada, podendo causar insónias.

Fonte: https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fpsyt.2020.00583/full

3. Reduz a pressão arterial – mito

Não existe nenhum estudo que comprove que dormir acompanhado possa reduzir a pressão arterial. No entanto, esta crença vem do facto de que a pressão arterial reduz quando uma pessoa é abraçada. Ou seja, se é fã de dormir abraçado ou “em conchinha”, isso poderá ajudar a reduzir a sua pressão arterial, que é uma consequência do abrandamento do ritmo cardíaco

Por isto, na verdade, o que reduz a pressão arterial não é o facto de dormir acompanhado, mas sim os abraços a que está mais sujeito quando dorme acompanhado. Não existe uma relação direta entre a redução da pressão arterial e o facto de dormir na mesma cama que o seu companheiro.

Fonte: https://www.health.harvard.edu/newsletter_article/In_brief_Hugs_heartfelt_in_more_ways_than_one

4. Melhora o sistema imunológico – mito

Mais uma vez, não existe uma relação direta entre dormir acompanhado e a melhoria do sistema imunológico. O que os estudos revelam é que ter relações sexuais regularmente pode sim, impulsionar o seu sistema imunológico

É verdade que dormir na mesma cama que o seu parceiro pode levar a momentos íntimos, mas não é por dormir acompanhado em si que o seu sistema imunológico pode melhorar. Ter uma vida sexual ativa, isso sim, faz com que as pessoas libertem mais anticorpos, o que os torna mais saudáveis.

Fonte: https://journals.sagepub.com/doi/pdf/10.2466/pr0.94.3.839-844

5. Ajuda a regular a temperatura corporal – verdade

Quando se adormece, a temperatura corporal cai e o frio pode causar algum desconforto durante a noite. Dormir acompanhado pode regular a sua temperatura corporal, porque estará a receber calor da pessoa que dorme ao seu lado, consequentemente, mantendo o conforto.

6. A qualidade do sono aumenta – mito

Em média, um adulto tem entre 20 e 30 microdespertadores durante a noite, que são momentos em que o sono profundo é interrompido e a pessoa fica num estado de sono superficial. Situações como mudar de posição ou ranger os dentes são exemplos de microdespertadores. Quantos mais houver por noite, mais cansada a pessoa vai acordar. Logo, ao dormir acompanhada, o número de microdespertadores pode duplicar, tornando as noites de sono de pior qualidade.

Estes são apenas alguns dos ditos benefícios de dormir acompanhado. Muitos são mitos segundo a ciência, mas não significa que não possam ser verdade para si, visto que dormir acompanhado é algo subjetivo, que é diferente para todos os casais.

Por isso, se é fã de dormir “em conchinha” e gosta de receber muitos abraços, não se iniba. Caso prefira dormir sozinho ou caso prefira dormir acompanhado, a ZZZ apoia, e inclusive tem almofadas que são a companhia perfeita para as noites mais solitárias!

Fonte: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2012/11/1187818-dormir-acompanhado-reduz-a-qualidade-do-sono-dizem-medicos.shtml

Almofada No Snooze +
Almofada No Snooze Power
Almofada No Snooze